Um dos nomes mais conhecidos no mundo dos têxteis, o neto de Pierre Frey, abre as portas de sua casa.

Seu nome é mundialmente conhecido, Pierre Frey  foi o fundador de uma das empresas tradicionais na área dos têxteis e da decoração em França.
Curioso foi Pierre por destino ou não, encontrar o seu imóvel no mesmo prédio onde o seu avô tinha tido uma loja, mesmo no centro de Paris.

O mobiliário elegante, por vezes clássico, os tons claros e misturar alguns toques de modernidade e cor, são de fato algumas das características que costumam evidenciar o estilo francês na decoração. No apartamento do neto de Pierre Frey é isso mesmo que acontece. Antes de entrarmos saltam logo aos nossos olhos, a escada em madeira com o corrimão, com os detalhes nos degraus  a que chamamos de espelho, pintados em tons de azul, dando um efeito mais engraçado e diferente.

Quando entramos, a opção para a base foi sóbria, com vários tons de beije e de cinza, proporcionando assim uma neutralidade ideal para poder conjugar com cores e toques modernos. Exemplo disso, é o destaque do tecido na parede e da cortina com o mesmo estampado de riscas em tom de amarelo no hall, que por sua vez relaciona-se perfeitamente com o espelho e os exóticos candeeiros de teto.

Destaque para as almofadas confecionadas em seda vermelha no sofá, mas também para o belíssimo espelho com os diversos círculos de diferentes tamanhos, que decoram uma das paredes da sala de refeição, e para os candeeiros de aspeto industrial que parecem ter nascido ali de forma natural com o propósito de se espalhar na restante casa.

Na sala de estar é visível a sua integração com a cozinha e com os vãos abertos até aos pilares, dando mais amplitude. Neste mesmo espaço da cozinha, o estilo arquitetónico parisiense faz-se notar claramente, no sentido em que os armários  escondem  todos os eletrodomésticos e proporcionam um ambiente em continuação natural da sala.

Não menos que o restante, são de facto os fantásticos tecidos luxuosos que embelezam o espaço, como o veludo, a seda, o linho, que de uma certa forma aquecem os ambientes. Consegue-se sentir de facto uma harmonia entre cores e estampados, como por exemplo o tapete de lã que repete o desenho dos cortinados de linho bordado, e para a gravura de Tézenas.

No quarto, a cabeceira de cama é o elemento que chama a atenção pelo facto de não só estar revestida com o mesmo tecido de seda e algodão aplicado nas paredes, como também faz a separação entre a área de w.c., neste caso a pia, que facilita o dia a dia do morador.

Um apartamento que em resumo, teve um projeto de interiores muito bem conseguido e que permitiu dar ao morador ambientes com bastante conforto, práticos, e de charme.

 

 

 

 

A reforma surpreendente de um tríplex, em Nova Iorque
Ideias para mudar a sua casa de banho

FEEDBACK